Viagens, Lifestyle

Dicas de Restaurantes em Lima

Oi, gente! Vocês que me acompanham no Instagram e no Youtube sabem que eu estive no Perú – um país incrível em todos os sentidos! Tem uma beleza natural maravilhosa, muita história e cultura e uma culinária muito rica. Quando pensamos em Perú, pensamos mais em peixes (principalmente ceviche, né? Eu era assim!) mas tem muito mais a oferecer do que isso!

Lima, a capital do Perú, é muito conhecida pelos ótimos restaurantes. Fiz algumas das refeições mais memoráveis da minha vida por lá! Não deixem de anotar as dicas:

Restaurante Central

Comandado pelo chef Virgilio Martinez, o Central é considerado o melhor restaurante da América Latina e o quinto melhor restaurante do mundo. Fazer uma refeição lá é uma verdadeira experiência gastronômica: escolhemos o menu degustação “matter elevations”, que faz alusão aos ingredientes das diferentes altitudes do Perú – do fundo do mar, floresta amazônica até o alto das montanhas. Os 17 pratos (!) utilizam somente ingredientes locais e sazonais, e a apresentação e a combinação dos ingredientes é surreal. Para não esquecer jamais! O valor do menu é, em média, 500 reais por pessoa e o restaurante também oferece opções a la carte. Ah, reservem com bastante antecedência!

Maidô

Para comemorar meu aniversário, queríamos ir a um restaurante mais moderno e descolado, com bons drinks! Escolhemos o Maidô, eleito o melhor restaurante japonês de Lima e o sétimo melhor da América Latina. Achei interessante que ele mistura a culinária japonesa com a peruana – o resultado é realmente incrível! Os sushis e sashimis são feitos com peixes fresquíssimos e eu amei o prato que eu pedi, pato com grãos típicos do Perú. O valor médio, por pessoa, é de R$150,00.

Tragaluz

Também comemorei o meu almoço de aniversário em  grande estilo no restaurante Tragaluz, que fica no Belmond Miraflores Park, hotel que nos hospedamos na cidade. O menu oferece opções para todos os gostos (massas, peixes e carnes) e foi um dos meus restaurantes preferidos da viagem. Destaque para o linguini ao curry com atum – pode parecer uma combinação estranha, mas o sabor é único e maravilhoso! Ah, e eu não poderia deixar de colocar uma foto do próprio restaurante, que também funciona como galeria de arte: eles expõem obras de artistas locais e o ambiente é tão lindo que não dá vontade de ir embora! Para quem gosta de comer ao ar livre, tem também uma área externa super agradável. O preço, em média, é de R$120,00 por pessoa.

La Mar 

Do renomado chef peruano Gaston Acurio, o La Mar (tem filiais em São Paulo, Miami e Santiago) é uma cevicheria com muitas opções de peixes e frutos do mar, mas também oferece pratos vegetarianos. Nós pedimos um trio de ceviches e pratos com peixes e estava tudo uma delícia e muito, muito fresco! O ambiente também é super agradável, tem um clima bem descontraído e praiano. Ah, vale avisar que o La Mar só abre na hora do almoço (horário em que o peixe é mais fresco) e costuma ter fila de espera – nós chegamos por volta das 14h e esperamos 15 minutos. O valor médio, por pessoa, é de R$90,00.

Gostaram das dicas?

Beijos,

Luisa

06 set 2017
Comente
Compartilhe

Me siga no Instagram: @luisa.accorsi

Viagens, Itália

Dica de restaurantes em Roma

Oi, gente! Fomos em restaurantes tão maravilhosos em Roma (para quem quiser ver detalhes, vejam os vlogs diários da viagem – filmei tudo!) que não podia deixar de fazer um post aqui no blog também! Roma é uma das minhas cidades preferidas do mundo e uma das suas melhores coisas é, claro, a comida – o spaghetti a carbonara, o cacio e pepe (molho de macarrão com um queijo típico de lá e pimenta) e a alcachofra frita são apenas algumas das delícias típicas da cidade!

Settimio all’Arancio: eu vou nesse restaurante desde a primeira vez que fui para Roma! Ele fica perto da Piazza di Spagna (daquelas famosas escadarias), o centro de compras da cidade. É legal dar uma voltinha por ali e parar no Settimio para almoçar! O ambiente é acolhedor, os garçons são super simpáticos e a comida é uma delícia (com preço ótimo) – desta última vez, comi um spaghetti ao vôngole dos deuses! Via dell’arancio, 50

Armando Al Pantheon: também fui nesse todas as vezes que visitei a cidade e nunca me decepciono! O local do Armando é estratégico, pertinho do Pantheon, e o lugar é bem pequeno – faça reserva com bastante antecedência, o restaurante já ganhou vários prêmios e é bem concorrido! A entrada com mozzarella de búfala com alcachofra e a carbonara são de comer rezando! Ah, se tiver mais um espacinho vale pedir também a saltimbocca alla romana, carne de vitela com presunto de parma e sálvia. Salita dei Crescenzi, 31 

Per Me: nada melhor do que restaurantes bem tradicionais de comida Romana, mas para mudar um pouco decidimos também ir a esse restaurante que acabou de ganhar uma estrela Michelin – a comida é bem mais sofisticada e focada no mar, sem nunca esquecer os elementos da culinária local. Pedimos o menú degustação e experimentamos pratos bem polêmicos (intestino de peixe, por exemplo! Haha!), mas voltaria mil vezes! A carbonara do mar, releitura da clássico carbonara com bottarga e queijo parmigiano, foi meu prato preferido! Vicolo del Malpasso, 9

Salumeria Roscioli: essa salumeria é uma famosa e antiga delicatessen que tem um restaurante nos fundos – o local é bem descontraído, bem legal para ir jantar! Pedimos salames e burrata de entrada (incrível!) e eu ousei no prato principal: fettuccine com funghi porcini, lascas de queijo parmigiano e bacalhau! Combinação inusitada que deu certo… Via dei Giubbonari, 21/22

Isola d’Oro: indicação maravilhosa da minha amiga Elizabeth, que mora em Roma há anos, o restaurante fica em um bairro afastado, nada turístico. A especialidade do Isola d’Oro são frutos do mar: as entradas são imperdíveis, mas não deixe de pedir de prato principal o orecchiette (massa típica do sul da Itália) com creme de tartufo, flor de abóbora, lagostim e bottarga – meu prato preferido de toda a viagem! Via Salaria, 180

La Gatta Mangiona: pensem na melhor pizza que você poderia comer na sua vida e multiplique por mil. A pizzaria fica em um bairro residencial de Roma e é bem famosa entre os locais! O lugar é super simples e barulhento, bem italiano mesmo, mas se prepare em pirar com a infinidade de sabores de pizzas, uma mais maravilhosa que a outra! De entrada, peça os famosos “fritti” (o croquete com ricota e espinafre é especial). Via Federico Ozanam, 30

Baccano: localizado no centro da cidade, o Baccano é outro restaurante de Roma que não canso de voltar! Ambiente ótimo, bom atendimento e menú cheio de opções maravilhosas… Via delle Muratte, 23

Beijos,

Luisa

15 fev 2017
Comente
Compartilhe

Me acompanhe no YouTube!