Comportamento, Bem Estar

6 dicas para quem se sente sobrecarregado!

Todo mundo já se sentiu sobrecarregado e sem inspiração pelo menos uma vez na vida, né? Pode ser no trabalho, na vida escolar, na faculdade, enfim… temos mania de querer fazer tudo ao mesmo tempo e muito rápido (oi, tecnologia!), e quando isso se torna um motivo de stress, é hora de prestar atenção. Eu andei me sentindo assim nos últimos tempos e achei essas dicas para colocar a vida “de volta aos trilhos” super úteis! Espero que ajudem vocês também 🙂

Relembre seu objetivo: pensar constantemente nos seus propósitos e no que te faz buscar seus objetivos é essencial. Às vezes ficamos tão presos em tarefas, listas e coisas para fazer que nos esquecemos do por quê tanta dedicação e esforço! Identificar seus “por quês” vai te ajudar muito…

Comemore seu progresso: ao mesmo tempo que, na maioria das vezes, as tarefas do dia-dia são necessárias para se atingir um objetivo maior, é importante também comemorar o que vem antes. Olhe seu trabalho como um todo e comemore as todas as conquistas do seu caminho – isso vai te ajudar a te motivar e a fazer pausas (sem culpa!) quando precisar!

Aprenda a dizer não: já falei muitas vezes que tenho um sério problema em dizer não. Quantas vezes assumimos mais responsabilidades que somos capazes de aguentar? O dia tem 24 horas, não 45! Dizer que uma determinada coisa exige 110% de você e que você não tem condições de dar isso no momento não é de se envergonhar… aprender a pensar em você em primeiro lugar é um exercício diário para mim, e muito necessário!

Não foque na perfeição: sabemos que a perfeição é subjetiva e que é impossível ter milhões de coisas para fazer E fazer tudo de forma perfeita. Isso não significa que você tem que aceitar fazer coisas pelas quais não se orgulha, mas sim fazer bem feito ao invés de perfeito!

Desenvolva hábitos saudáveis: uma agenda cheia é, muitas vezes, uma desculpa para colocar de lado suas horas de sono, a academia e uma alimentação saudável, mas essas três coisas são essenciais para prevenir e combater o stress de um dia-dia sobrecarregado. Comer melhor, fazer exercícios e ter uma boa noite de sono afeta diretamente como você se sente – uma dose de endorfina é sempre bem-vinda!

Procure a ajuda de outras pessoas: Ano passado finalmente percebi que não estava dando conta de fazer tudo sozinha e contratei uma assistente, que também é minha amiga de anos, que tem me ajudado muito! Ser capaz de admitir que você não pode fazer alguma coisa sozinha e buscar o apoio de outras pessoas na hora crítica – de qualquer forma, inclusive emocional – é muito importante.

Beijos,

Luisa

10 mar 2017
Comente
Compartilhe

Me siga no Instagram: @luisa.accorsi

Saúde, Bem Estar

8 hábitos que te deixam cansada

Oi, gente! A falta de sono normalmente é a razão por trás da falta de energia, mas sabiam que existem outros hábitos aparentemente “inofensivos” que podem nos deixar com aquele cansaço inexplicável – mentalmente e fisicamente – durante o dia? Confiram:

shutterstock_274801808

Você é perfeccionista: Super me identifico! Ser perfeita é impossível e faz você trabalhar muito mais do que o necessário, porque nada que você fizer vai ser suficiente ou bom o bastante, né? Uma coisa que me ajudou muito foi estabelecer metas para o dia, nada fora do que eu conseguiria fazer – depois que eu terminei de fazer tudo, é hora do seriado! Haha!

Você falta a academia quando está cansada: Super aparentemente inofensivo, né? Quem nunca fez isso? Haha! Estudos revelam que faltar o seu exercício diário por causa do cansaço pode, na verdade, ter um efeito reverso e te deixar mais fatigada ainda. Praticar exercícios regularmente te dá mais energia, faz com que seu sistema cardiovascular trabalhe de forma mais eficiente e ajuda a distribuir oxigênio e nutrientes pelo corpo – sem contar que dá um super up no humor! Pode parecer um sacrifício, mas vale super a pena depois!

shutterstock_274802555

Você não bebe água o suficiente: Sabiam que mesmo se você estiver levemente desidratada – tipo, com uma perda de 2% do volume corporal – o seu nível de energia é afetado? Preste atenção nisso e, claro, beba muita água!

Você trabalha nas férias: Eu nunca posso me desconectar totalmente do blog, mas quando estou viajando tento ao máximo me desligar um pouco. Quando eu estava no Butão, por exemplo, nem comprei um chip para a internet – só usava o wi-fi do hotel, e isso me ajudou muito a relaxar, sabem? Eu sabia que se eu ficasse o tempo todo conectada, me preocuparia com os e-mails não lidos, com as coisas que eu teria que fazer quando eu chegasse… acho que dar um “tempo” é super saudável e só traz benefícios para a sua criatividade e produtividade!

Você pula o café da manhã: Sabem aquela história que a primeira refeição é a mais importante do dia, né? Quando você acorda de manhã, seu corpo necessita se “reabastecer” – se você não se alimentar, sentirá as consequências no dia inteiro! Minha mãe sempre me obrigou a tomar café da manhã (mesmo quando eu acordava atrasada para a escola, haha!) e eu tornei disso um hábito, não consigo não comer pela manhã.

shutterstock_270171140

Você fica no celular antes de dormir: Ai ai ai! É aquela história: você deita na cama e vai olhar o Instagram, resolve dar uma checada nos e-mails, no snapchat… No dia seguinte, acorda morta! A luz do celular ou do computador afeta a melatonina, hormônio que regula o sono. A sensitividade varia de pessoa para a pessoa, mas é recomendável evitar qualquer tipo de tecnologia pelo menos 2 horas antes de dormir! #missãoimpossível

Você dorme tarde nos finais de semana: Dormir super tarde no sábado e acordar 2 da tarde no domingo faz com que você tenha dificuldade para dormir a noite. O resultado é o velho conhecido zumbi feelings na segunda-feira, haha! Claro que você não vai ficar em casa todo sábado a noite, então a melhor alternativa é tentar acordar em um horário “normal” no domingo e tirar um cochilo (nada excessivo, hein!) durante a tarde.

shutterstock_274781654

Você depende do café: Começar o dia com uma xícara de café não faz mal algum – o problema é o excesso! Estudos dizem que depender da cafeína para “aguentar” o dia pode afetar seu ciclo de sono, e é recomendável parar de tomar o cafezinho 6 horas antes da hora de dormir.

Gostaram das dicas?

Beijos,

Luisa

Imagens via Shutterstock

06 maio 2015
Comente
Compartilhe

Me acompanhe no YouTube!