Moda

O Vestido de Casamento da Miranda Kerr

Essa semana, a modelo australiana (maravilhosa) Miranda Kerr revelou seu vestido de casamento para a Vogue americana – para quem não sabe, ela se casou com Evan Spiegel, criador do Snapchat. A cerimônia aconteceu em maio e foi bem íntima, no jardim da casa do casal em Los Angeles, para apenas 45 familiares e amigos.

O vestido foi digno de princesa: feito sob medida pela diretora criativa da Dior, Maria Grazia Chiuri. Miranda disse que a inspiração foi o vestido icônico de Grace Kelly no seu casamento com o Príncipe Rainier de Mônaco, em 1965: “Eu já me diverti muito com a moda e eu era mais ousada, livre, boêmia. Mas nessa fase da minha vida, meu estilo está mais contido. Minhas maiores inspirações sempre foram Grace, Audrey Hepburn e a minha avó, que tem 80 anos e é naturalmente chique: sempre está com uma boa calça, blusa branca, um lenço e salto baixo”.

Eu normalmente não sou super fã de vestidos com cara de conto de fada, mas fiquei apaixonada por esse! Apesar de ser super clássico, o tom do cetim e as aplicações em 3d (as flores do vestido são lírios do vale) deram um toque moderno. Só não amei tanto a coroa de pérolas que ela usou, feita por Stephen Jones – mas a Miranda é tão linda que não dá para não suspirar com o look final, né?

O que vocês acharam?

Beijos,

Luisa

17 jul 2017
Comente
Compartilhe

Me siga no Instagram: @luisa.accorsi

Moda

Looks da Selena Gomez em NYC!

Quem aí concorda comigo que a Selena Gomez é a nova rainha do street style? Tá, eu também amo Kendall, Gigi e Bella, mas sinto que o estilo da Selena é mais ‘vida real’, sabem? A cantora e atriz esteve em Nova York na semana passada para divulgar seu novo single, “Bad Liar” (estou viciada!) e, sério, foi uma sucessão de looks incríveis atrás de looks incríveis! Confiram:

E que chegada no aeroporto, hein? Selena arrasou com um look all black, óculos vintage (esse estilo está super em alta) e bolsa Louis Vuitton. Para quem não é tão ousada e acha que vai causar um pouco demais de barriga de fora no avião, dá super para substituir o top cropped por uma camiseta (básica ou estampada) e pronto: look perfeito para viajar!

Look super estiloso, com uma vibe anos 70 que eu estou amando! O top é da Alexa Chung (sim, para quem não sabe, ela lançou uma marca), a bolsa J.W. Anderson e o sapato, que eu fiquei super interessada, é Mansur Gavriel.

Vestido mini e saltão: combinação certeira e da qual eu sou muito adepta, haha! E o corpão que a Selena está gente? O vestido fofo é vintage, a bolsa é a mesma da foto anterior e o sapato, Giuseppe Zanotti. Talvez eu usaria um salto menos pesado… o que vocês acharam?

É gente, podem tirar seus moletons do fundo do armário porque a peça mais confortável da vida está em todo o lugar! A dica é usar o moletom com peças mais refinadas: Selena usou a mesma bolsa de corrente dos looks anteriores e uma bota de cetim, que fizeram toda a diferença! Ah, o moletom é da turnê do The Weeknd, namorado da Selena!

Selena chegou chegando em uma entrevista em Nova York com esse vestido incrível da marca Jacquemus: a modelagem é meio arquitetônica, parece um kimono ultra moderno, né? A sandália é Louis Vuitton e comprei uma super parecida de uma marca australiana – vou mostrar no vídeo de compras desse mês para vocês!

Preto e branco + batom colorido é um clássico e adorei que a Selena modernizou o look com a sobreposição do slip dress por cima da camiseta: é um truque de styling que valoriza todo mundo e você ainda aproveita o vestidinho de verão no inverno!

Beijos,

Luisa

05 jun 2017
Comente
Compartilhe

Me acompanhe no YouTube!

Moda

Os looks da Gigi Hadid no AMA

Depois de apresentar o iHeart Radio em junho (fiz um post com todos os looks que ela usou lá também!), Gigi Hadid assumiu o posto de apresentadora novamente neste domingo, no American Music Awards, junto com o comediante Jay Pharoah. Foram vários momentos engraçados, algumas polêmicas (a imitação da Melania Trump deu o que falar) e claro, muitos looks incríveis que a Gigi usou durante a premiação!

Como eu já falei no vídeo que comentei sobre todos os looks do AMA (quem não viu ainda, veja!), o vestido Roberto Cavalli que a Gigi usou no red carpet foi um dos meu preferidos! Ele não é fácil (esse estilo com muita renda pode parecer cortina da avó fácil, fácil), mas achei que a modelo segurou e o fez ficar moderno – a única crítica é que achei que o decote está baixo demais, mas, fora isso, perfeição total!

picmonkey-collage-14

Para subir no palco pela primeira vez, Gigi optou por um modelo ultra sexy E all red Atelier Versace, com vários recortes e uma fenda poderosa. Apesar de não ser muito meu estilo, achei que o look combinou com a ocasião e, mais uma vez, ela conseguiu segurar! Tenho apenas uma observação: eu adorei o cabelo para trás com o primeiro look, mas achei que, nesse, o penteado envelheceu um pouco ela… o que vocês acharam?

picmonkey-collage-15

O próximo foi um conjunto da Julien MacDonald, que eu achei incrível! Além das pedrarias, o blazer tinha franjas que faziam um efeito muito legal quando ela andava, sabem? Achei super moderno, a cara da Gigi!

picmonkey-collage-16

Depois de dois modelitos mais “tchan”, Gigi elegeu um vestido “neutro”, novamente da Julien MacDonald – e coloquei essas aspas porque de neutro só tem a cor, né? Haha! Esse foi um dos meu preferidos: adorei o comprimento midi, que deixou o look mais leve, a gola tipo chocker e o cabelo! Ah, reparem que ela suavizou a maquiagem também, né?

picmonkey-collage-17

A modelo parece prestes a dominar o mundo com esse look poderoso Nicolas Jebran, que achei que tem a cara da Beyoncé, haha! O vestido tem textura, ombros estruturados, gola alta, decote e fenda, e achei tudo muito, muito chique.

picmonkey-collage-18

O último look da noite merecia ser um pouquinho mais confortável, né? Gigi usou um macacão metalizado e transparente Atelier Versace e arrasou muito! A modelo adora esse elemento esporte e anos 80, achei moderno e ousado na medida certa. Tive que colocar um close na maquiagem – que quero copiar já – e nesse brinco maravilhoso!

picmonkey-collage-19

Gostaram? Me contem suas opiniões nos comentários!

Beijos,

Luisa

23 nov 2016
Comente
Compartilhe

Me siga no Instagram: @luisa.accorsi

Comportamento, Moda, Bem Estar, Cultura

Lupita Nyong’o na Vogue Magazine

Depois de sua performance revelação em “12 Anos de Escravidão”, filme que lhe rendeu o Oscar de melhor atriz coadjuvante em 2013, Lupita Nyong’o, nascida no México e criada no Quênia, virou uma das atrizes mais disputadas de Hollywood. Além de seu talento indiscutível e o super carisma, a atriz é engajada em diversas causas sociais, principalmente na situação de mulheres e crianças nas regiões da África mais afetadas por guerras. #inspiração

Capa da Vogue americana de outubro, Lupita estrela em um dos photoshoots (by Mario Testino) mais lindos que vi nos últimos tempos da revista: ela nos leva à casa da sua família, onde cresceu no Quênia. O resultado são paisagens incríveis, looks maravilhosos e uma explosão de cores…

lupita14

Lupita: “Quero criar oportunidades para pessoas de cor”

Em sua entrevista, Lupita sobre sua família, a África e seu mais novo filme, “Rainha de Katwe”, em que interpreta a mãe de Phiona Mutesi, jogadora de xadrez prodígio de Uganda e vencedora da Olimpíada Mundial de Xadrez. Não conhecia a história de Phiona, mas realmente parece muito emocionante – chorei só de ver o trailer! Lupita disse que recebeu o roteiro e, quando leu 5 páginas, já ligou para o seu agente dizendo que teria que fazer o filme.

lupitapicmonkey

“Eu tenho uma vontade muito grande de usar minha plataforma para expandir e diversificar a voz da África. É muito significativo para mim”. Lupita se considera Queniana-Mexicana e possui cidadania dos dois países.

lupita6 lupita2picmonkey-collage

Fazer a diferença é de família: a avó paterna de Lupita, Dorca, de 96 anos (a da foto! Fofa <3) construiu um abrigo para meninas órfãs e sem oportunidades; sua mãe, Dorothy, é a diretora administrativa da Fundação do Câncer na África e seu pai, Peter, é senador, ativista político e ex-professor.

lupita2

Aos 19 anos Lupita raspou o cabelo, um gesto que poucas meninas na época e idade tinham a coragem de fazer. “Eu queria saber como era minha cabeça”, ela disse. “E eu também estava cansada de ir ao salão fazer alisamento (…) meu pai não sabe disso, mas foi por causa dele. Ele que financiava meus penteados, e em um certo ponto disse: ‘por quê você não corta tudo?’. Depois de duas semanas sem perceber, ele perguntou onde estava meu cabelo”.

picmonkey-collagelupita3

Ao tomar seu espaço em uma indústria com problemas de aceitação e preconceito, a atriz inspirou e abriu a porta para outras pessoas. Ela conta que uma jovem Uganesa-Inglesa, que trabalhou na produção do filme, disse para Lupita que “nunca tantas pessoas disseram que eu era bonita até você aparecer. Fui chamada para testes que nunca tinha sido chamada antes. E eu sei que é porque você existe”.

lupita1 lupita10

Lupita com seus filhos do filme “Rainha de Katwe”. Seu próximo projeto é “Americanah”, uma história de uma jovem Nigeriana que muda para os Estados Unidos, baseado em um livro de mesmo nome – que, coincidentemente, acabei de terminar de ler e é maravilhoso! Estou pensando em fazer uma resenha para o blog, o que vocês acham?

Beijos,

Luisa

22 set 2016
Comente
Compartilhe

Me acompanhe no YouTube!

1 2 3 16