Slider

Viagens, Lifestyle

5 coisas para fazer em Nova Delhi!

Oii, gente! Nova Delhi, a capital da Índia, é uma das cidades mais populosas do planeta, famosa pelo seu estilo (bem) caótico. O que muita gente não sabe é que Delhi é também uma cidade muito rica em cultura e culinária e tem muita coisa para fazer – por isso achei que ela merecia mais um post por aqui! Fui para lá duas vezes e ainda sinto que muita coisa para eu conhecer por lá…

A calma no meio do caos… rooftop do Spice Market, que tem uma vista incrível da cidade!

Dessa vez, quem organizou nossa viagem à Índia foi a NomadRoots, agência focada em viagens de alto padrão para destinos mais exóticos e que eu recomendo de olhos fechados! O grande diferencial da empresa é que eles fazem viagens totalmente personalizadas segundo o gosto real dos clientes – achei muito bacana que eles fizeram uma entrevista comigo e com a Mana antes da viagem e customizaram todo o roteiro de acordo com o que nós gostamos de fazer. Sem contar toda a atenção que nos deram enquanto estávamos lá! Foi uma experiência incrível e estou louca para organizar outra viagem com eles <3

1- Food Tour: Já comentei com vocês que sempre que vou à um país diferente gosto de fazer um food tour! A Nomad Roots que organizou o que fizemos em Nova Delhi e eu super recomendo – o tour foi em Old Delhi, a parte mais antiga da cidade, e nosso guia nos levou para comer comidas típicas de rua maravilhosas e, de quebra, foi nos contando sobre a história da cidade. Os lugares são super simples, frequentados por indianos mesmo, e fiquem tranquilos – não passei mal com nada!

2- Restaurante Indian Accent: Vale muito a pena ter uma experiência gastronômica no Indian Accent, considerado o melhor restaurante da Índia! A comida é indiana moderna, com influências europeias e de outras partes da Ásia, como Japão. Eles oferecem dois tipos de menú degustação de 6 pratos, que custou cerca de 60 dólares – vegetariano (escolha da Mana) e não vegetariano (minha escolha) – e menú a la carte, mas eu recomendo pedir o degustação! Amei todos os pratos e achei muito legal experimentar um lado mais refinado (mas sem perder a essência) da comida indiana. Ah, reservem com antecedência!

3- Templo Sikh Gurdwara Bangla Sahib: A Índia é um país multicultural e muito diversificado, com várias religiões. Claro que vocês tem que conhecer o maior templo hindu do mundo, Akshardham, e a maior mesquita da Índia, Dama Masjid, ambas em Nova Delhi, mas adorei ter conhecido a mais famosa casa de culto da religião Sikh na cidade. Eu não conhecia a religião e achei muito interessante, fora que o templo é muito lindo!

4- Khan Market: Fui com a minha mãe na primeira vez que fui para Nova Delhi! É um mercado a céu aberto voltado para compras de vestuário, acessórios e coisas para casa. Não se engane quando chegar lá, porque tem cada achado incrível dentro das lojas que ninguém imagina! As que eu mais amei e valem muito a visita é a Good Earth – só de coisas para casa – vocês não tem noção das louças feitas à mão, minha mãe pirou! – e a Fabindia, que vende roupas e lenços incríveis, levei vários…


5- Spice Market Khari Baoli: Um dos famosos mercados de pimentas de Nova Delhi fica na parte velha da cidade e é o maior da Ásia! O lugar é fascinante – tem o caos, o cheiro de pimenta, várias especiarias maravilhosas (é uma perdição para quem gosta de cozinhar), enfim, um lugar que só existe na Índia mesmo! Recomendo muito subir até o rooftop, que tem uma vista incrível da cidade. Só se preparem para enfrentar fumaça de pimenta para chegar lá, haha!

Gostaram das dicas?

Beijos,

Luisa

Fotos: Mana Gollo

23 maio 2018
Comente
Compartilhe

Viagens, Lifestyle

Dica de Hotel em Nova Delhi: Shangri-La Eros

Antes de ir para as Maldivas, chegamos em Nova Delhi, capital da Índia, e acabamos dormindo uma noite por lá. Depois do Sri Lanka, ficamos mais uma noite antes de partirmos para Agra (a cidade do Taj Mahal) – fiquei pouco porque já conhecia a cidade, mas recomendo muito ficar pelo menos 3 noites para aproveitar bem! Delhi é caótica, muito diferente de tudo o que conhecemos, cheia de cultura, programações e ótimos restaurantes.

Fiquei no hotel Shangri-La Eros, que eu super recomendo! Nova Delhi é uma cidade gigantesca com muitas opções de hotéis e por isso é fácil ficar meio perdido, escolher uma opção não muito boa, com uma localização ruim. O Shangri-La Eros foi perfeito porque fica no coração da cidade, perto de tudo, até do aeroporto – fica mais ou menos meia hora de carro!

Os quartos são do jeito que eu gosto: amplos e modernos, e alguns com uma vista panorâmica da cidade! O hotel também tem academia, o premiado spa CHI, da rede Shangri-La, e ótimos restaurantes! Tudo isso com um serviço impecável, bem no estilo asiático.

O Shangri-La Eros tem 3 opções de restaurantes: o Shang Palace, chinês delicioso (o pato à pequim de lá é famoso e muito bom!), o Tamra, mais descolado e com menú com opções japonesas, asiáticas e internacionais e o Sorrento, italiano para matar a saudade da massa, haha! Além disso, o hotel tem dois bares/louges, o Mister Chai e Grappa. O café da manhã é servido no Tamra e é aquele estilo banquete mesmo, de ficar louca!

Enfim, amei muito ter me hospedado no Shangri-La Eros! Aguardem que semana que vem vou postar mais dicas de Nova Delhi…

Beijos,

Luisa

Fotos por: Mana Gollo

18 maio 2018
Comente
Compartilhe

Viagens, Lifestyle

Tudo sobre Galle, região com as praias mais famosas do Sri Lanka!

Próximo destino do Sri Lanka: Galle, que fica 176 km (mais ou menos duas horas) ao sul de Colombo, a capital do país. A região tem muito a oferecer e é muito conhecida por suas praias!

O famoso Galle Fort foi fundado no século 16 pelos portugueses e atingiu o auge de seu desenvolvimento no século 18, sob domínio dos holandeses, antes da chegada dos ingleses. Ufa! Por conta disso, a cidade tem muitos traços europeus, principalmente na arquitetura. Dá para andar por tudo a pé e as ruas são cheias cafés, restaurantes, lojinhas de roupa, arte e antiguidades e tem também museus, igrejas, mesquitas e templos para visitar.

Anotem as dicas: Amei o Isle of Gelato (tem sorvetes incríveis!), o restaurante The Tuna and the Crab (do chef mais famoso do Sri Lanka e especializado em atum e carangueijo), Sugar (ótimo para drinks no fim da tarde), e as lojas com artigos de decoração e roupas locais Karma, Stick No Bills e KK Collection.

As ruas de Galle Fort são muito charmosas!

Hoje, Galle Fort é a cidade colonial mais bem preservada do Sri Lanka e se tornou Patrimônio da Humanidade da Unesco! Uma super dica é assistir o pôr do sol do forte – o sol se põe no mar e é a coisa mais linda do mundo… sabe aquelas imagens que você vai guardar para sempre?

Pôr do sol mais lindo <3

Nos hospedamos no The Owl and the Pussycat Hotel, que faz parte do Small Luxury Hotels, rede de hoteis e resorts boutique espalhados por todo o mundo. O hotel tem apenas 17 suítes e fica em Talpe, na província de Galle e é descoladinho, jovem e super charmoso! Sabem aquele lugar que você consegue perceber que tudo foi pensado nos mínimos detalhes? A decoração é incrível, tudo fofo e colorido, o atendimento impecável e sem contar que fica à beira mar, né? Não queria ir embora!

Decoração sonho no hotel The Owl and the Pussycat

O restaurante do hotel, The Runcible Spoon, é uma delícia! Eles só usam ingredientes frescos – os peixes são incríveis! – e a comida é um mix de cozinha internacional e típica do Sri Lanka. O ambiente também é super gostoso e aconchegante, com aquela mesma decoração linda, e o bar serve vários drinks bacanas. Quem também não é hóspede pode ir ao restaurante também e vale muito a pena!

Restaurante do nosso hotel, que vale muito a visita! 

E o que eu achei das praias do Sri Lanka? Lindas e muito parecidas com as do nordeste do nosso Brasil! O clima é super sossegado, para descansar mesmo, e as praias tem muitos surfistas e barzinhos ao longo da costa. Minha praia preferida foi a Unawatuna, com suas águas esverdeadas e transparentes e clima perfeito!

Happiness 🙂

Para se locomover pela região de Galle, visitando as cidadezinhas e as praias, indico o tuk tuk ou, se o percurso for mais longo, motorista. Para quem quiser saber mais, não esqueçam de olhar o vlog sobre meus dias nessa região mágica!

Beijos,

Luisa

11 maio 2018
Comente
Compartilhe

Viagens, Lifestyle

Natureza no Sri Lanka: Hotel Jetwing, em Wellawaya

Depois da experiência incrível na fazenda de chá, eu e a Mana partimos para Wellawaya (mais uma vez com o serviço do Sri Lankan Personal Drivers, super recomendo!), que fica na região central e rural do Sri Lanka (a 30 minutos de Ella) e um dos lugares mais lindos que eu já fui – eu sei que eu falo isso sempre, mas é real! Parece que você está em outro mundo: o vilarejo é cercado por montanhas, plantações de arroz e chá, florestas e cachoeiras. Ficamos no hotel Jetwing Kaduruketha, que fica bem no meio de toda essa natureza impressionante.

O hotel tem chalés que foram inspirados nas casas de pequenos agricultores – a agricultura foi e é muito importante para o país – e tem todo um conceito sustentável que eu achei muito bacana! A água quente é gerada por energia 100% renovável, todo o lixo é reciclado… tudo isso como uma forma de “cuidar” da natureza em volta do hotel!

Breakfast with a view no hotel Jetwing!

Como eu disse ali em cima, os quartos ficam em chalés: os chamados Arachchi (11 chalés) e Wel Vidana (14 chalés). Eu fiquei no segundo, que é um pouco maior e mais luxuoso, mas os dois tipos são super espaçosos e tem uma varanda privativa! Super legal para casais, né?

Seguindo a ideia de respeito ao ambiente, todas as refeições do hotel são feitas com ingredientes orgânicos, plantados por agricultores locais e também na horta do próprio hotel. A comida é deliciosa e dá para fazer piqueniques, jantar à luz de velas com vista para as montanhas (romântico) e o hotel até organiza almoços na casa de famílias de vilarejos próximos! Indico muito, foi uma experiência incrível…

O hotel também oferece várias atividades: excursões para sítios arqueológicos e templos próximos, trilhas, passeios de bicicleta e visitas à várias cachoeiras que ficam nos arredores. Fomos à famosa cachoeira Ella Walla de tuk tuk e depois fizemos uma trilha curta para chegar até lá – o lugar é escondido e maravilhoso! Quem me conhece sabe o quanto eu amo cachoeiras, então imaginem a minha felicidade?

Tem vlog lá no Youtube contando sobre as minhas aventuras na cachoeira!

Beijos,

Luisa

04 maio 2018
Comente
Compartilhe